DESCARTE DE MEDICAMENTOS VENCIDOS EM DROGARIAS DO CENTRO DE BARRA DO GARÇAS

Marcelo Henrique Morais Menezes, Anna Lettycia Vieira dos Anna Lettycia Vieira dos Santos

Resumo


Um dos maiores problemas discutidos no mundo tem sido o descarte incorreto de medicamentos vencidos. Este estudo avaliou esse o serviço prestado às drogarias do munícipio. Os dados foram obtidos por meio de questionário baseado na RDC nº306/2004. Os entrevistados demonstraram conhecimento sobre medicamentos vencidos em seus estabelecimentos, sendo que 95% opinaram que esses devem ter descarte especial e também conhecem alguma consequência ao meio ambiente. É de grande importância a criação de leis especificas e incentivos para implantação de postos de coleta, sem gerar prejuízos aos consumidores, com ação conjunta das Agências de Saúde e Governo Federal.


Texto completo:

PDF

Referências


ABEC. Elaborando trabalhos científicos – Normas para apresentação e elaboração/Univar – Faculdades Unidas do Vale do Araguaia. 3º EDIÇÃO. Barra do Garças (MT): ABEC, 2015. 140 pgs.

AGUILAR, G. R.; SÁNCHEZ, J. M. F.; VÁZQUEZ, R. R. Resíduos peligrosos: grave riesgo ambiental. Avance y Perspectiva, v.20, p. 151-58, maio-junho, 2001.

ANVISA. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Medicamentos / Publicação Medicamentos, 2009. Disponível em:

dd00474597439fb6df3fbc4c6735/RDC+N%C2%BA+306%2C+DE+7+DE+DEZEMBRO+DE+2004.pdf?MOD=AJPERES>. Acesso em Março de 2015.

BRASIL. Presidência da República, Casa Civil. Lei nº 12.305, de 2 de Agosto de 2010. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.html>. Acesso em Abril de 2015.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução da Diretoria Colegiada RDC nº 67, de 8 de outubro de 2007. Disponível em: . Acesso em agosto de 2015.

CONAMA. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução Conama nº 358 de 29 de abril de 2005. Disponível em: < http://www.mma.gov.br/port/conama/legiabre.cfm?codlegi=462>. Acesso em Março de 2015.

CONAMA. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução Conama nº 264, de 26 de agosto de 1999. Disponível em:

CONAMA_RES_CONS_1999_264.pdf>. Acesso em Agosto de 2015.

EICKHOFF, P.; HEINECK, I.; SEIXAS, L. J. Gerenciamento e Destinação Final de Medicamentos: Uma Discussão Sobre o Problema. Rev. Bras. Farm., v. 90, p. 64-68, 2009.

FALQUETO, E.; KLIGERMAN, D. C.; ASSUMPÇÃO, R. F. Como realizar o correto descarte de resíduos de medicamentos. Ciência & Saúde Coletiva, v. 15, n. 2, p. 3283-3293, 2010.

FENAFAR. Federação Nacional dos Farmacêuticos. Comissão Aprova Regras para Descarte de Medicamentos. Disponível em: . Acesso em Abril de 2015.

FLECK, E. Medicamentos vencidos: outra problemática no pós-consumo. Porto Alegre/RS, 2007. Disponível em: . Acesso em 23 de Agosto de 2015.

FOX, G.A. Wildlife as sentinels of human health effects in the Great Lakes - St. Lawrence basin. Environmental Health Perspectives, v. 109, p. 853-861, 2001.

JOÃO, W. S. J. Descarte de medicamentos. Pharmacia Brasileira, n. 82, 2011.

MARQUES, D. C; ZUCCHI, P. Comissões farmacoterapêuticas no Brasil: aquém das diretrizes internacionais. Rev Panam Salud Publica/Pan Am J Public Health., v. 19, 2006.

SINIR. Sistema Nacional de Informação Sobre a Gestão dos Resíduos Sólidos. Ministério do Meio Ambiente. Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos. Disponível em: < http:// www.sinir.gov.br/web/guest/2.6-planos-de-gerenciamento-de-residuos-solidos>. Acesso em Abril de 2015.

TORTORA, G. J; FUNKE, B. R; CASE, C. L. Microbiologia. 6ª ed. São Paulo: Artmed, 2000.

VAZ, K. V.; FREITAS, M. M.; CIRQUEIRA, J. Z. Investigação Sobre a Forma de Descarte de Medicamentos Vencidos. Cena

rium Pharmacêutico, v. 4, n. 4, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.